Juan Carlos Ferrero interrompe "reforma" e vai JOGAR o ATP 500 de Barcelona

Antigo número um mundial e vencedor de torneios como Roland Garros (2003) e o Estoril Open (2001), Juan Carlos Ferrero parece não ter resistido à vontade de regressar aos courts e vai interromper a sua reforma. O jogador espanhol aceitou um convite do ATP 500 de Barcelona para jogar a vertente de pares, ao lado de Pablo Carreno-Busta, e ficou a conhecer as seus primeiros adversários dos últimos quatro anos.
Foi em outubro de 2012 que Jun Carlos Ferrero perdeu o duelo da primeira ronda diante de Nicolas Almagro no ATP 500 de Valencia – evento no qual viria a assumir funções de diretor mais tarde -, marcando aquele que foi o seu último encontro como profissional. Ou pelo menos assim se pensava, já que Ferrero aparece no quadro de pares do ATP 500 de Barcelona, que se dipsuta na próxima semana
O “Mosquito”, como era chamado, vai jogar ao lado do finalista do Millennium Estoril Open, Pablo Carreño-Busta, e ditou o sorteio que os primeiros adversários fossem os veteranos Daniel Nestor e Martin Matkowski, que no ano passado também disputou a final de pares no Estoril.