João Sousa triunfa ao lado de Mayer e desafia 10.ºs cabeças-de-série na 2.ª ronda

João Sousa, número um nacional e eliminado na segunda ronda de singulares do Australian Open, voltou esta quinta-feira aos courts em Melbourne para para se qualificar igualmente para a segunda eliminatória da competição de pares, ao lado do argetino Leonardo Mayer, com quem em 2015, no US Open, alcançou o melhor resultado da carreira em torneios do Grand Slam, ao chegar aos quartos-de-final.

A dupla luso-argentina, que era suposto defrontar os australianos Alex De Minaur e James Duckworth na primeira ronda do quadro de pares, acabou a enfrentar os alternates James Cerretani, dos Estados Unidos, e Kevin Skupski, da Grã-Bretanha, e triunfou por 7-6(8) e 7-5, em duas horas de batalha.

Na segunda ronda, que se joga já esta sexta-feira, Sousa e Mayer defrontam o indiano Rohan Boppana e o o francês Edouard Roger Vasselin, dois dos favoritos ao título e 10.ºs cabeças-de-série.