João Sousa: «Título no Estoril Open foi muito especial. As pessoas não percebem o quão difícil é»

João Sousa esteve esta quarta-feira à noite no programa ‘Grande Entrevista’ da RTP onde falou sobre todos os assuntos da atualidade e da sua carreira, em particular, um bem especial que aconteceu no início de maio deste ano… a conquista inédita do Millennium Estoril Open.

O número um nacional, de regresso ao top 50 do ranking ATP, recordou um título que jamais será esquecido. Estoril Open foi especial, muitas emoções e muito trabalho por trás dessa vitória. Semana especial por ser em Portugal, as pessoas não são conscientes do difícil que é. Há muito poucos jogadores que vencem em casa. Existe pressão extra e nós em Portugal só temos uma oportunidade”.

O tenista de 29 anos recordou ainda a presença do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa e garantiu que ser o melhor português de sempre nunca foi algo que estivesse na sua mente. Foi uma grande surpresa, estava dentro do chuveiro quando ele apareceu. Nunca pensei ser considerado o melhor português de sempre”, disparou.

Sousa foi para Barcelona aos 15 anos em busca do sonho de se tornar um tenista profissional, no entanto, o vimaranense considera que atualmente existem condições para se ficar em Portugal. Hoje em dia já é possível uma carreira em Portugal. A Federação tem criado essas condições mas na minha altura achava que não e a minha opção foi essa. Em Barcelona o conhecimento é muito grande, muitas academias e jogadores de nível”.