João Sousa dispõe de 'match point' mas perde batalha nas meias-finais de São Paulo

João Sousa despediu-se de São Paulo ao final da tarde deste sábado com uma derrota nas meias-finais do ATP 250 brasileiro. O número um português e 37.º do ranking mundial até teve à disposição um match point, mas acabou derrotado em três parciais pelo espanhol Albert Ramos-Vinolas, 24.º do Mundo, por 7-6(5), 5-7 e 2-6, numa dura batalha de três horas de duração.

À procura da sua segunda final do ano e nona da carreira, Sousa ainda venceu a primeira partida, na qual chegou a estar em desvantagem no tiebreak por 3-5 e deu a volta ao resultado com nervos de aço. No entanto, e depois de ter tido um match point quando servia a 5-4 do segundo set, o vimaranense acabou por ceder de forma clara na terceira partida, alinhando um elevado número de erros diretos.

Finalista do torneio de Auckland, na Nova Zelândia, no primeiro torneio do ano, João Sousa diz adeus a São Paulo e viaja agora para Indian Wells, onde vai disputar, em superfície rápida, o Masters 1000 norte-americano que tem início na próxima quinta-feira e no qual Gastão Elias, número dois nacional, também marca presença.

Quanto à classificação mundial, e depois deste resultado, João Sousa deverá manter-se no 37.º lugar que ocupa atualmente, apesar de ter alcançado pela primeira vez as meias-finais do evento de São Paulo.