João Sousa desafia uma das melhores duplas do Mundo esta sexta-feira

João Sousa continua em Roma em busca de fazer… mais história. Depois de se tornar no primeiro tenista português da história a chegar aos quartos-de-final de pares num Masters 1000, ao lado do espanhol Pablo Carreño Busta, o vimaranense de 29 anos tenta esta sexta-feira dar mais um passo na direção certa e chegar… às meias-finais.

A dupla ibérica vai defrontar os espanhóis Marc López e Feliciano López, campeões de Roland Garros em 2016 e uma das melhores duplas do Mundo, nos quartos-de-final, num encontro que terá honras de Court Pientrangeli e que se disputa por volta das 17 horas de Portugal Continental.