João Domingues vai subir ao top 250 e sonha com Roland Garros: «Claro que gostava de jogar um Grand Slam»

João Domingues, campeão do Future de Carcavelos que na segunda-feira vai atingir um novo máximo no ranking mundial (e no dia 1 de maio entrará no top 250), confessou que é “um grande sonho” entrar no ‘qualifying’ de Roland Garros, o segundo Grand Slam da temporada.

“Vamos ver como as listas fecham a 1 de maio”, disse, respondendo com um entusiasmado “claro” quando questionado sobre se jogaria a fase de qualificação do torneio parisiense, antes de reformular: “Tenho de falar com a minha equipa primeiro, mas o meu objetivo é jogar um ‘Grand Slam'”.
Cada vez mais consolidado como quarto tenista nacional, o antigo bicampeão nacional, de 23 anos, pretende agora dar o salto dos ‘future’ para os ‘challengers’, o segundo escalão do circuito profissional. “Estava inscrito no ‘challenger’ de Francavilla e fiquei fora por dois lugares. O calendário não tem sido muito bom para jogar ‘challengers’, mas com os torneios que temos tido por cá não fazia sentido deixar de jogá-los só para estar nos ‘challengers’. Agora vamos ver a partir do Estoril Open o planeamento, tenho de falar com o meu treinador. Mas o objetivo é jogar ‘challengers’ e impor-me nesses torneios”, reconheceu o 271.º jogador mundial.