Jamie Murray e Azarenka conquistam lugar na final de pares de Wimbledon

Sem Andy, mas com o mais velho dos Murray a dar muitas alegrias ao seu público. Esta edição de Wimbledon conta com Jamie Murray na final de pares mistos, que se juntou, em boa hora, com Victoria Azarenka. Os dois antigos números um, ele de pares, ela de singulares, derrotaram a dupla composta por Jay Clarke e Harriet Dart por 6-2 e 6-2.

O britânico de 32 anos vai tentar conquistar pela terceira vez o Grand Slam do seu país, depois de se ter sagrado campeão em 2007, ao lado de Jelana Jankovic, e no ano passado, na companhia de Martina Hingis. Azarenka também não é novata nesta coisa de singrar na relva do All England Club, já venceu a medalha de ouro em pares misto nos Jogos Olímpicos de Londresm em 2012, ao lado do compatriota Max Mirnyi.

No domingo voltam a juntar-se para disputar a final desta 132.ª edição de Wimbledon, defrontando o austríaco Alexander Peya e o norte-americana Nicole Melichar, que derrotaram Michael Venus e a Katarina Srebotnik por duplo 6-4.