James Blake também defende mudanças na WTA para proteger as jogadoras durante a gravidez

O tema da maternidade está em alta nos meandros do circuito feminino devido ao recente nascimento da filha de Serena Williams, que empurrou a norte-americana para o fundo do ranking e a obriga a ‘começar do zero’ no regresso às posições mais cimeiras. A colega Simona Halep já tinha abordado o assunto em Indian Wells e, agora, foi a vez de James Blake referir que as regras deveriam alteradas de forma a proteger as jogadoras nestas situações.

“As jogadoras que têm a sua carreira interrompida devido à gravidez deveriam ser protegidas”, disse James Blake, antigo finalista do Estoril Open. “Este tipo de coisas não deviam acontecer. Não é que tenha sido por uma lesão ou que tenha perdido a peixão pelo desporto, e espero que façam uma revisão deste tema para que não seja demasiado tarde para a Serena quando decidir ter outro filho”.

Neste momento, Serena Williams ocupa a 491.ª posição na hierarquia mundial feminina, fruto da terceira ronda atingida no Premier de Indian Wells. Alexis Olympia Ohanian, a filha, nasceu no dia 1 de setembro.

http://bolamarela.pt/wta/wta-wta/simona-halep-afirma-que-a-primeira-cabeca-de-serie-em-indian-wells-devia-ter-sido-serena-williams/