Federer ironiza: «Se calhar deveria parar outros seis meses!»

Roger Federer conquistou este domingo o torneio de Wimbledon pela oitava vez e no final do encontro ironizou com o facto de ter corrido tão bem a opção de ter parado nos últimos seis meses de 2016, para regressar e ganhar Australian Open, Indian Wells, Miami, Halle e, agora, no All England Club.

“Se calhar deveria parar outros seis meses. Mas não sei se conseguiria voltar neste nível outra vez. Mas sim, grande parte do segredo para estar de volta e ser uma pessoa saudável. Voltar aqui, sentir-me bem, ganhar o torneio sem perder qualquer set é inacreditável. É demasiado”, confessou o suíço de 35 anos.

Federer ficou emocionado quando foi recordado das dificuldades que teve nos últimos anos. “É incrível atingir essas coisas. Não estava seguro de que voltaria aqui. Perdi duas finais duras com o Novak em 2014 e 2015, mas sempre acreditei que poderia voltar aqui. Continuei a acreditar, a sonhar. Quando as pessoas acreditam nos seus sonhos conseguem alcançar..”

O helvético deixa a promessa. “Espero que este não seja o meu último encontro e que possa voltar no próximo ano para tentar defender o título.”

Sobre o autor
- Artigo escrito ou editado pela equipa de redação.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.