Federer: «É assustador perceber que muitos dos jovens fecham menos de 2% dos pontos na rede»

Roger Federer, campeão de Wimbledon, acredita que os Big Four poderão ser em breve ‘substituídos’ pela nova geração, ainda que destaque as dificuldades que os tenistas menos cotados têm para se aproximar dos melhores em termos de rankings.

“O sistema pontual do ténis torna difícil que um jogador jovem consiga subir no ranking rapidamente. Muitas vezes eles fazem uma grande semana, com uma série de grandes vitórias, mas isso não é suficiente para ameaçar os mais cotados no ranking”, lembra o helvético, de quase 36 anos.

Federer diz, no entanto, que há alguma responsabilidade nos jogadores e treinadores da nova geração. “É assustador quando analiso cada um dos meus adversários e vejo que eles fecham menos de 2% dos pontos na rede. É difícil ultrapassar-me a mim, ao Rafa, ao Murray ou ao Djokovic de fundo do court”.

Sobre o autor
- Artigo escrito ou editado pela equipa de redação.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *