Volte face: Grand Slam Board clarifica que, afinal, o cronómetro só será aplicado no qualifying

Afinal… havia outra… história. De todas as novas regras anunciadas no início da semana pelo Grand Slam Board, parece que nem todas são para ser aplicadas nos quadros principais, pelo menos para já. Segundo o site ‘Tennis Life’, a implementação do cronómetro para controlar 25 segundos entre serviços será apenas aplicada na fase de qualificação dos torneios do Grand Slam, à semelhança do que aconteceu no US Open.

Uma clarificação importante, tendo em conta que o comunicado enviado pela ITF às redações não fazia qualquer referência de que esta regra específica seria apenas para fases de qualificação. As restantes regras, com influência no valor monetário ganho pelos jogadores quando desistem antes e/ou durante um encontro da primeira ronda num Major, avançam já no quadro principal do US Open.

Sobre o autor
-

Artigo escrito ou editado pela equipa de redação.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *