Wawrinka para Djokovic: «Graças a ti sou o que sou hoje»

Minutos depois de vencer no US Open o terceiro título do Grand Slam da sua carreira, Stan Wawrinka dedicou as primeiras palavras do seu discurso de campeão a Novak Djokovic, com uma mensagem forte e que não deixa grandes dúvidas sobre a importância que os encontros diante dos sérvio têm tido na evolução do jogo do helvético.

“Primeiro do que tudo, tenho de dar os parabéns ao Novak pelo grande campeão que é. Graças a ti sou o que sou hoje. Obrigado por tudo”, disparou o suíço, de 31 anos, visivelmente emocionado durante a cerimónia pós-final.

Wawrinka virou depois as suas atenções para a sua equipa técnica, namorada, família e amigos. “Obrigado a toda a minha equipa, que me ajuda a trabalhar todos os dias, que puxa por mim, que fazem de mim uma melhor pessoa todos os dias. Sei que nem sempre sou uma pessoa fácil e este título também é deles”.

Sobre o autor
- Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Jornalista do Jornal Record desde 2013. Entrou no Bola Amarela em 2008 e ainda por aqui está, a escrever sobre a modalidade que verdadeiramente o apaixona.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *