Sousa entra direto em Roland Garros e Elias fica a precisar de várias desistências

João Sousa, número um português e 34.º ATP, é o único tenista português com entrada direta no quadro principal de Roland Garros, segundo Grand Slam de 2016, que arranca no próximo dia 16 de maio nos courts do famoso complexo parisiense, cuja lista de inscritos foi divulgada esta terça-feira através do site oficial da prova.

O vimaranense aparece dentro do lote de 104 jogadores com entrada direta, naturalmente encabeçado pelo sérvio Novak Djokovic, líder do ranking ATP, que procura em Paris o único Grand Slam que ainda lhe falta no palmarés. Jerzy Janowicz, 104.º ATP, foi o último a conseguir entrada direta, mas é curiosamente um dos jogadores em dúvida, devido a lesão.

Gastão Elias, 118.º da hierarquia masculina, está 14 lugares fora do quadro principal e necessita, precisamente, que 14 dos seus companheiros desistam para conseguir entrar na prova de forma direta. Qualquer resultado que Elias faça nas próximas semanas não tem qualquer influência na lista de entrada direta para Roland Garros, que será sempre definida pelo ranking de 11 de abril.

Quem ainda pode lutar pela entrada, mas no qualifying, é Frederico Silva. O jovem das Caldas da Rainha é atualmente o 257.º colocado ATP e tem ainda duas semanas para se aproximar do top 200, para um lugar que lhe permitisse entrar na lista da qualificação, essa sim revelada apenas a 3 de maio. Um grande resultado no Millennium Estoril Open, por exemplo, seria determinante.

Consulte a LISTA COMPLETA para o quadro masculino de Roland Garros.

Sobre o autor
-

Artigo escrito ou editado pela equipa de redação.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *