Tribunal volta a dar luz verde às obras de Roland Garros

É uma novela sem fim. Depois de muitos avanços e recuos, o famoso projeto de ampliação do complexo de Roland Garros voltou a ter luz verde esta quinta-feira, segundo revelam vários jornais franceses.

A batalha legal entre os ambientalistas que defendem a manutenção do vizinho Bosque de Auteuil tal como ele promete continuar, mas para já o Tribunal de Paris dá luz verde à Federação Francesa de Ténis para iniciar as obras com vista à ampliação do complexo e também à construção do teto amovível no Court Philippe Chatrier.

Desde deste ano, Roland Garros é o único Grand Slam que não tem qualquer estádio com teto amovível pronto a fechar caso as condições climatéricas o obriguem.

Sobre o autor
- Artigo escrito ou editado pela equipa de redação.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *