Djokovic fez algo inédito e também uma coisa que ninguém fazia há 47 anos

O primeiro título de carreira de Novak Djokovic em Roland Garros, que consumou o seu Grand Slam de carreira, tem como consequência o atingir de uma série de feitos históricos, uns que já não aconteciam há muito tempo e outros que são mesmo recordes absolutos na história da modalidade.

Ao vencer em Paris, Novak Djokovic não só fechou o Grand Slam de carreira, como conseguiu a proeza de vencer todos esses majors de forma consecutiva: um ‘non-calendar Slam’, como chegou a ser baptizado nos anos 80 e que mais tarde foi baptizado por Serena Williams, a última a fazê-lo, com o seu nome: ‘Serena Slam’.

Nos homens, a história é bem diferente: Novak Djokovic é o primeiro a fazer um Grand Slam, ainda que não seja (por enquanto) de calendário, desde que Rod Laver venceu em 1969 o seu segundo Grand Slam de calendário. Antes disso, só o mesmo Rod Laver (1962) e Don Budge (1938) o haviam conseguido.

Com quatro títulos de Grand Slam consecutivos, Novak Djokovic somou um total de 28 vitórias seguidas em torneios desta dimensão, algo que também foi alcançado no ano passado pela norte-americana Serena Williams, mas que constitui um recorde absoluto na história da modalidade para singulares masculinos. É que quando Rod Laver vencer os quatro majors seguidos pela última vez, os quadros deste tipo de torneio tinha menos jogadores e menos encontros por disputar.

Roger Federer, por duas vezes, em 2006 e 2007, e o próprio Novak Djokovic, em 2012, já haviam chegado às 27 vitórias e estavam a uma de alcançar o Grand Slam de carreira e os quatro majors seguidos, mas acabaram sempre derrotados na final de Roland Garros, por… Rafael Nadal. O recorde pessoal do maiorquino são 24 triunfos consecutivos..

Sobre o autor
- Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Jornalista do Jornal Record desde 2013. Entrou no Bola Amarela em 2008 e ainda por aqui está, a escrever sobre a modalidade que verdadeiramente o apaixona.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *