Grigor Dimitrov entra de rompante em Melbourne com triunfo em 1h39

Com a motivação de final de temporada em alta e as boas memórias da edição do ano passado ainda frescas, Grigror Dimitrov entrou de rompante em Melbourne Park, garantindo a passagem à segunda ronda do Open da Austrália em uma hora e 39 minutos. O búlgaro deixou pelo caminho o qualifier austríaco Dennis Novak, impondo-se por 6-3, 6-2 e 6-1.

O número três mundial e terceiro cabeça-de-série, que foi alvo de comentários caricatos por causa do seu equipamento all-pink, mostrou fez por mostrar toda a sua virilidade tenística desde início do embate, tomando o comando das incidências até ao final.

Um encontro em que o campeão do ATP World Tour Finals justifica o excelente momento de forma que atravessa, alertando para que não seja esquecido quando se fala de candidatos ao título na Austrália.

Na segunda ronda da prova australiana, onde alcançou as meias-finais no ano passado, o búlgaro, vai defrontar o vencedor do duelo entre o norte-americano Mackenzie McDonald e o sueco Elias Ymer.

Sobre o autor
- Descobriu o que era isto das raquetes apenas na adolescência, mas a química foi tanta que a paixão se mantém assolapada até hoje. Pelo meio ficou uma licenciatura em Jornalismo na Escola Superior de Educação de Viseu e um Secundário dignamente enriquecido por cadernos cujas capas ostentavam recortes de jornais de Lleyton Hewitt. Entretanto ganhou (algum) juízo, um inexplicável fascínio por esquerdas paralelas a duas mãos e um lugar no Bola Amarela. A escrever por aqui desde dezembro de 2013.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *