Gonçalo Oliveira cede em batalha de mais de três horas em França

Gonçalo Oliveira, 516.º do ranking mundial, foi eliminado esta segunda-feira numa grande batalha de mais de três horas na primeira ronda do torneio future de Grasse, em França, que distribui um total de 10 mil dólares em prémios monetários e que se disputa na mesma semana do Millennium Estoril Open.

Num encontro muito equilibrado, Oliveira não resistiu ao sétimo cabeça de série e cedeu numa batalha de três parciais, por 4-6, 6-4 e 7-6(5), diante do alemão Andreas Beck, ex-top 40 e número 349 da tabela classificativa, ao cabo de 3h17, falhando assim uma das melhores vitórias da carreira em termos de ranking.

Apesar da derrota em singulares, Gonçalo Oliveira está em prova na variante de pares, na qual defende o estatuto de terceiro pré-designado ao lado do espanhol Marc Fornell-Mestres. A dupla ibérica tem estreia marcada com os belgas Alexandre Folie e Yannik Reuter.