Gonçalo Oliveira estreia-se em Wimbledon com derrota na primeira ronda da qualificação

Gonçalo Oliveira, número quatro português e 231.º do ranking ATP, foi eliminado ao início da tarde desta segunda-feira na primeira ronda do qualifying de Wimbledon, naquela que foi a sua estreia absoluta na prova londrina, onde acabou por ser o único representante nacional na fase de qualificação.

Num encontro resolvido em apenas duas partidas, Oliveira não resistiu ao irmão de Ryan Harrison, Christian Harrison, 200.º da hierarquia mundial, e cedeu pelos parciais de 6-3 e 6-1, ao cabo de curtos 53 minutos.

Com este resultado, a representação portuguesa no terceiro torneio do Grand Slam da época fica nas mãos de João Sousa e Gastão Elias, que têm entrada direta no quadro principal, com início agendado para a próxima segunda-feira.

Apesar da derrota em singulares, Gonçalo Oliveira, treinado pelo pai Abílio, regressa aos courts de Roehampton ainda esta segunda-feira para disputar a primeira ronda da qualificação em pares. Ao lado do boliviano Hugo Dellien, o portuense mede forças com os alemães Kevin Krawietz e Andreas Mies, quintos cabeças de série.