Gonçalo Oliveira entra nos 230 primeiros e regista novo máximo de carreira no 'ranking' ATP

Gonçalo Oliveira, número cinco nacional, continua a subir no ranking mundial e entrou esta segunda-feira no lote dos 230 primeiros da hierarquia ATP, pela primeira vez na carreira, para figurar no 229.º posto, a sua melhor classificação de sempre.

Apesar de ter sido eliminado na primeira ronda do challenger de Sibiu, na Roménia, na semana passada, o portuense de 22 anos conseguiu escalar dois lugares. Esta semana será de descanso, mas na próxima vai viajar até à América do Sul para participar na prova de Campinas, no Brasil, igualmente de nível challenger.

Recorde-se que, em pares, Gonçalo Oliveira está a apenas 11 lugares de distância do ranking do número um português João Sousa, que é 176.º classificado.