Gastão Elias perde batalha de 2h30 e falha acesso ao quadro principal em Buenos Aires

Gastão Elias, número dois português e 115.º do ranking mundial, não resistiu a uma batalha de 2h34 de duração e foi eliminado este domingo à tarde na ronda de acesso ao quadro principal do ATP 250 de Buenos Aires, na Argentina, numa fase de qualificação em que defendia o estatuto de quinto cabeça de série.

À procura do seu primeiro quadro principal ATP desde finais de maio de 2017 em Lyon, França – onde chegou a bater Juan Martin del Potro -, Elias caiu na última eliminatória do qualifying às mãos do argentino Facundo Bagnis, ex-número 55 ATP e atual 195.º do Mundo, pelos parciais de 7-6(7), 1-6 e 1-6, num duelo de um só sentido após a primeira partida.

Elias, que somou 10 duplas faltas, até ganhou o parcial inaugural, selado ao sétimo set point depois de ter estado em desvantagem por 2-4. No entanto, o jogador natural da Lourinhã não conseguiu manter o bom momento e venceu apenas dois jogos nos sets seguintes.

Com esta derrota, Gastão Elias viaja agora para o Rio de Janeiro, no Brasil, para disputar no próximo fim de semana a fase de qualificação do ATP 500 brasileiro, que marca igualmente o regresso à competição de Pedro Sousa, número três nacional, após lesão abdominal.