Venus e Serena relembram irmã assassinada em tiroteio

Presentes num evento de solidariedade, na Califórnia, EUA, Serena e Venus Williams usaram a sua história pessoal para falar sobre a violência, controle de armas e brutalidade policial. “A violência afetou as nossas vidas, perdemos uma irmã, a mais velha de todas, por causa disso”, disse Serena, relembrando o tiroteio que vitimou Yetunde Price, aos 31 anos, no ano de 2003.

“E a violência não afeta apenas as vítimas e as suas famílias, mas também as famílias dos agressores, que ficam arruinadas. Uma mãe não espera que o seu filho cometa esses actos”, acrescentou Venus. “Acho que um dos dias mais difíceis das nossas vidas foi ter que dizer aos filhos de nossa irmã o que tinha acontecido com a mãe deles”.

Olhando para o combate à violência, Serena defendeu a importância da educação como veículo da mudança entre as comunidades carenciadas. “A terapia criativa é extremamente importante, porque é uma forma de expressão que ajuda a exteriorizar os sentimentos de raiva e frustração”, sublinhou Serena.

Sobre o autor
-

Artigo escrito ou editado pela equipa de redação.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *