Federer: «Final ao mesmo tempo do Mundial? É mais preocupante para o futebol!»

Não há volta a dar: a final masculina de Wimbledon vai mesmo arrancar às 14 horas de domingo, duas horas antes da final do Mundial de futebol, na Rússia. O All England Club não quis antecipar o ténis num par de horas — mantendo a tradição — e Roger Federer, que espera lá estar, não parece muito preocupado.

“Não estou nada preocupado com a final do Mundial. Aliás, é mais preocupante para o futebol. Preocupa-me mais que as pessoas que estão na Rússia a ver a final do Mundial tenham de festejar todos os pontos dos seus tenistas favoritos na final de Wimbledon”, brincou o suíço de 36 anos.

Federer assume que o primeiro set diante de Adrian Mannarino no encontro dos oitavos-de-final foi muito provavelmente o seu primeiro e último 6-0 da semana. “Aquele 6-0 não deveria ter acontecido em condições normais, mas vou desfrutar dele porque deve ser o último”, confessou o número 2 do Mundo.