Federação Portuguesa de Padel à espera da oficialização do Governo

Poderá estar por dias a oficialização da Federação Portuguesa de Padel (FPP) pelo Governo. O padel em Portugal está oficialmente sob a alçada Federação Portuguesa de Ténis mas, atendendo ao pouco interesse da ITF (International Tennis Federation) na modalidade e ao crescimento da mesma, o Governo pondera atribuir o estatuto de utilidade pública desportiva à FPP.
Além do vasto trabalho que tem sido desenvolvido em prol da modalidade em território nacional, a FPP está filiada na Federação Internacional de Padel (FIP), que tem demonstrado nos últimos anos depositar grande confiança no organismo que nasceu com o objetivo de ser autónomo.
Para lá da atribuição da organização da última edição do Campeonato do Mundo, que decorreu em novembro na Quinta da Marinha Rackets Pro, em Cascais, a FIP entregou à FPP a responsabilidade da organização do Campeonato da Europa em Portugal, onde vão decorrer mais duas provas do circuito internacional: o Lisboa Challenger e o Portugal Masters.
O Governo, segundo noticia o Record, terá inclusivamente recolhido várias opiniões junto de algumas entidades, como o Comité Olímpico de Portugal, a Confederação do Desporto e do Conselho Nacional de Desporto, antes de atribuir o estatuto de utilidade pública à FPP, que aguarda a qualquer momento o despacho favorável do Secretário de Estado da Juventude e Desporto, João Paulo Rebelo.