Debandada de cabeças-de-série em Roma

Foi uma jornada recheada de surpresas a que teve hoje lugar na Cidade Eterna. Depois da eliminação de seis tenistas pré-designadas no quadro das senhoras, são cinco os cabeças-de-série que estão fora do Internazionali BNL D’Italia.

É verdade que os jogadores que terminaram os seus encontros só caíram em três sets (Gilles Simon, 12º favorito, desistiu frente a Dominic Thiem ao cabo de 1h25 e 7-6 2-0 favorável ao austríaco), mas é, desde logo, surprendente a eliminação de Roberto Bautista Agut frente ao número um brasileiro Thomaz Bellucci. O espanhol, 15º cabeça-de-série, até começou por vencer o primeiro set, mas o sul-americano continuou a boa campanha que vem protagonizando desde o qualifying e levou de vencida um dos tenistas que mais tem evoluído desde o início da temporada passada; 1-6 6-1 6-4 foram os parciais finais, ao cabo de 1h38.

Já os outros tenistas pré-designados a caírem hoje foram Jo-Wilfried Tsonga [13] – derrotado pelo belga David Goffin no encontro mais longo do dia (2h31) -, Feliciano López [11], que sofreu uma remontada por parte do vencedor da edição de 2010 da Taça Davis Viktor Troicki, e Grigor Dimitrov [10], que levou um “pneu” do sempre imprevisível Fabio Fognini no derradeiro parcial.

Já quanto aos cabeças-de-série que avançaram, foi sem surpresa que Roger Federer, Andy Murray e Rafael Nadal triunfaram em sets diretos frente a, respetivamente, Pablo Cuevas, Jérémy Chardy e Marcel Ilhan. De resto, Kei Nishikori [5], John Isner [16] e Guillermo García-López também não cederam qualquer partida e estão na terceira na ronda do último grande torneio antes de Roland Garros.