Data e local da audiência de Sharapova já são conhecidos

Maria Sharapova fez o que lhe competia, admitindo publicamente ter tomado um medicamento que continha meldonium, uma das substâncias proibidas pela Federação Internacional de Ténis (ITF) a partir deste ano, que a fez chumbar num controlo antidoping, e deixa agora as consequências dos seus atos nas mãos das entidades competentes.

A russa de 28 anos encontra-se suspensa provisoriamente, e, segundo avança a Sky Sports, será ouvida ainda este mês. “A primeira audição de Maria Sharapova vai realizar-se no dia 23 de março, e, de acordo com o presidente, terá lugar em Londres”.

Se se provar que tomou a substância intencionalmente, como forma de obter melhor desempenho, Sharapova por ser banida do circuito WTA por um período que pode ir até quatro anos. A pena pode, no entanto, ser atenuada, não indo além dos dois anos, se for considerada a hipótese de ter tomado o medicamento por razões médicas.