João Domingues perto de máximo de carreira

ATP

Andy Murray cumpre esta semana a sua segunda como número um mundial, com o início das ATP World Tour Finals a ter tido lugar no passado domingo.

Com o circuito profissional masculino sem qualquer competição por disputar à exceção do “Masters” – o que leva a que o top40 se mantenha inalterado -, o destaque da atualização desta segunda-feira vai para o argentino Facundo Bagnis, de 26 anos, que se sagrou vencedor do Challenger de Bogotá e, assim, sobe onze posições para se estrear tão acima no ranking quanto o 55º posto que agora ocupa.

1. (1) Andy Murray (Reino Unido), 11.185 pontos
2. (2) Novak Djokovic (Sérvia), 10.780 pontos
3. (3) Stan Wawrinka (Suíça), 5.115 pontos
4. (4) Milos Raonic (Canadá), 5.050 pontos
5. (5) Kei Nishikori (Japão), 4.705 pontos
6. (6) Gael Monfils (França), 3.625 pontos
7. (7) Marin Cilic (Croácia), 3.450 pontos
8. (8) Rafael Nadal (Espanha), 3.300 pontos
9. (9) Dominic Thiem (Áustria), 3.215 pontos
10. (10) Tomas Berdych (Rep. Checa), 3.060 pontos

55. (66) Facundo Bagnis (Argentina), 835 pontos


WTA

Após fim-de-semana histórico para a República Checa, que alcançou o “tri” na Fed Cup, a temporada feminina está oficialmente encerrada. Destaque para a campeã de 2010 de Roland Garros, Francesca Schiavone, que após um ano onde disputou apenas 16 torneios e definitivamente na fase descendente da carreira, fecha o top100 mundial.

1. (1) Angelique Kerber (Alemanha), 9.080 pontos
2. (2) Serena Williams (EUA), 7.050 pontos
3. (3) Agnieszka Radwanska (Polónia), 5.600 pontos
4. (4) Simona Halep (Roménia), 5.228 pontos
5. (5) Dominika Cibulkova (Eslováquia), 4.875 pontos
6. (6) Karolina Pliskova (Rep. Checa), 4.600 pontos
7. (7) Garbiñe Muguruza (Espanha), 4.236 pontos
8. (8) Madison Keys (EUA), 4.137 pontos
9. (9) Svetlana Kuznetsova (Rússia), 4.115 pontos
10. (10) Johanna Konta (Reino Unido), 3.640 pontos

100. (91) Francesca Schiavone (Itália), 642 pontos


Portugueses

João Sousa e Gastão Elias voltam a subir, ao passo que Frederico Silva desce, novamente, vinte (ou mais posições) pela segunda semana consecutiva. As subidas de destaque são protagonizadas por Frederico Gil e João Dominguesque venceu o Future de Hammamet, na Tunísia, após três finais consecutivas. Fruto destes resultados, o oliveirense está hoje a um lugar de igualar a sua melhor posição de sempre e prevê-se que a ultrapasse na atualização do próximo dia 21.

43. (44) João Sousa, 1.030 pontos
83. (86) Gastão Elias, 675 pontos
189. (186) Pedro Sousa, 304 pontos
326. (306) Frederico Ferreira Silva, 146 pontos
369. (378) João Domingues, 124 pontos
473. (483) Fred Gil, 81 pontos
513. (516) André Gaspar Murta, 70 pontos
550. (552) Gonçalo Oliveira, 62 pontos
683. (690) João Monteiro, 35 pontos
892. (890) Rui Machado, 16 pontos
989. (992) Nuno Deus, 12 pontos
996. (1000) Miguel Semedo, 11 pontos


Portuguesas

Semana de subidas para as tenistas lusas! À exceção de Michelle Larcher de Brito, que se mantém como número um nacional e 233ª mundial, todas as “nossas” jogadores melhoram o seu ranking, com nota para a entrada da jovem Sara Lança, de dezanove anos, para o 1181º posto.

233. (233) Michelle Larcher de Brito, 223 pontos
556. (557) Inês Murta, 47 pontos
740. (741) Maria João Koehler, 22 pontos
1131. (1132) Cláudia Cianci, 6 pontos
1151. (1155) Inês Mesquita, 5 pontos
1181. (9999) Sara Lança, 4 pontos

Sobre o autor
-

Licenciado em Ciências da Engenharia – Engenharia Física. Estudante de Mestrado em Engenharia Física Tecnológica no Instituto Superior Técnico. Membro da equipa desde maio de 2011 e grande entusiasta por ténis.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *