Murray: «Não me importo de ser número 30, eu quero é jogar ténis»

Andy Murray já treina em Brisbane, na Austrália, onde se prepara para dar início à temporada de 2018 e jogar pela primeira vez desde o torneio de Wimbledon, em julho, altura em que a lesão na anca o fez desistir da segunda metade da temporada de 2017.

Em conversa com os jornalistas presentes no ATP 250 australiano, o antigo número um mundial e atual 16.º do ranking, declarou o seu fiel e duradouro amor ao ténis. “Eu só quero voltar a apreciar jogar ténis, tinha saudades disso”, começou por dizer o britânico de 30 anos. “Não me importo de ser número 30 do mundo, eu quero é jogar ténis. Gostava de ser número um mundial, mas só quero jogar”, reforçou Murray.

“É quando ficamos sem ele que nos apercebemos da importância que tem”, continuou o campeão de três títulos do Grand Slam, que chega a Brisbane, onde levantou o troféu de campeão em duas ocasiões (2012 e 2013), para matar saudades da raquete e para colocar a sua condição física à prova.

— #BrisbaneTennis (@BrisbaneTennis) 31 de dezembro de 2017

“Não podemos estar a recuperar durante dez meses, a não ser que tenhamos passado por uma cirurgia. Sem haver operação, havia uma altura em que tinha de voltar a competir, para perceber como estou. Se não [jogar o meu melhor ténis] não faz mal. Eu só quero continuar a jogar”, concluiu.

Segundo cabeça-de-série, Murray está isento da primeira ronda, e espera pelo confronto entre Ryan Harrison e Leonardo Mayer para ficar a conhecer o seu primeiro adversário de 2018.

Sobre o autor
-

Descobriu o que era isto das raquetes apenas na adolescência, mas a química foi tanta que a paixão se mantém assolapada até hoje. Pelo meio ficou uma licenciatura em Jornalismo na Escola Superior de Educação de Viseu e um Secundário dignamente enriquecido por cadernos cujas capas ostentavam recortes de jornais de Lleyton Hewitt. Entretanto ganhou (algum) juízo, um inexplicável fascínio por esquerdas paralelas a duas mãos e um lugar no Bola Amarela. A escrever por aqui desde dezembro de 2013.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *