Federer veste-se de verde para o Open da Austrália 2017

Se está provado que de moda além-court percebe Roger Federer, eleito há um par de dias o ‘Homem mais Estiloso de 2016’ pelos leitores da GQ, no que toca a fardas de trabalho pode dizer-se que o suíço não se destaca propriamente pela inovação. Pelo menos no que diz respeito à cor.

O helvético de 35 anos vai regressar oficialmente ao trabalho no Open da Austrália a envergar a cor da esperança pelo terceiro ano consecutivo. Depois do verde florescente em 2015, Federer volta ao verde garrafa usado no Grand Slam inaugural em janeiro passado. Quando subir ao court debaixo dos holofotes de Melbourne Park, as cores escolhidas vão ser o preto e o branco.

Sobre o autor
- Artigo escrito ou editado pela equipa de redação.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *