Becker: «Federer é o principal favorito a ganhar o Open da Austrália»

Está mesmo aí à porta o início do Open da Austrália. A expetativa é muita e os candidatos à vitória final também. Ainda assim, há um nome que salta à vista de todos para levantar o troféu em Melbourne Park: Roger Federer. O suíço demonstra estar em grande forma e com o regresso de alguns dos principais adversários à competição – casos de Novak DjokovicStan Wawrinka Rafa Nadal -, o tenista de 36 anos parece partir na pole position.

Para Boris Becker, a sua escolha para vencer o primeiro Major do ano é, precisamente… Federer. “Há um ano seria uma grande surpresa pensar que o Roger e o Rafa estariam no topo da classificação. Creio que toda a gente subestimou demasiado a qualidade deles como tenistas e paixão pelo jogo. Penso que os dois continuam com fome de títulos e creio que o Federer é o principal favorito para ganhar na Austrália este ano. No feminino não tenho a certeza”, confessou.

Sobre o regresso do seu ex pupilo, Djokovic, à competição, Becker mostra-se satisfeito e admite que apesar de não trabalharem juntos, ainda mantêm uma amizade. “O Novak tem 29 anos, por isso tem tempo para lutar pelo número 1. Há que ver como regressa fisicamente primeiro. Deixámos de trabalhar há muitos meses mas ainda somos amigos. Espero que possa jogar o Open da Austrália. Creio que vai tomar a decisão depois do encontro de exibição em Kooyong”.

Já sobre Andy Murray, o alemão aprova a decisão da operação. “Decidiu bem e era bom que tivesse feito antes. Não vejo motivo para que não possa voltar à sua melhor forma, por isso creio que se a cirurgia tiver sucesso e regressar em boa forma, pode voltar a ser o tenista que chegou ao topo”.

Sobre o autor
-

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *