Murray: «Dói-me o cotovelo mas isso nem é novidade»

Andy Murray regressou esta quarta-feira aos courts com uma vitória em Monte Carlo, mas não ficou especialmente contente com o nível a que jogou diante do luxemburguês Gilles Muller e admitiu que voltou a não se sentir a cem por cento fisicamente.

“Os primeiros jogos não foram os ideais. Não jogava há algum tempo e é normal que assim seja”, confessou, antes de admitir que o seu cotovelo lesionado… lhe dói. “Doeu-me o cotovelo mas isso não é novidade para mim. Dói-me sempre”, admitiu.

Murray defronta Albert Ramos nos oitavos-de-final, esta quinta-feira.

Sobre o autor
- Artigo escrito ou editado pela equipa de redação.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *