João Sousa alcança novo feito inédito na história do ténis português

Eliminado na ronda de acesso ao quadro em singulares, João Sousa, número um português em singulares (47.º ATP) e atual 172.º colocado de pares, ganhou uma segunda chance no ATP Masters 1000 de Roma, ao entrar diretamente nos oitavos-de-final de pares, ao lado de Pablo Carreño Busta, para o lugar dos irmãos Bryan e… aproveitou na perfeição.

Sousa e Carreño apuraram-se esta quarta-feira para os quartos-de-final e Sousa volta a fazer ‘história’ para o ténis nacional, tornando-se no primeiro jogador português de sempre a chegar aos quartos-de-final de um torneio Masters 1000… em pares.

Em singulares, Sousa fê-lo apenas por uma vez, em Madrid 2016, feito que Fred Gil também alcançou, em Monte Carlo 2012.

Sobre o autor
- Artigo escrito ou editado pela equipa de redação.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *