Federer: «Espero que o Nadal volte a ser número um esta semana. Seria incrível»

Roger Federer confessou esta segunda-feira o seu desejo de que Rafael Nadal, número dois mundial, possa recuperar a liderança do ranking esta semana, ainda que admita que Andy Murray é um justo número um ATP.

“Seria incrível que o Nadal chegasse a número um. Lembro-me de vê-lo lesionado no final do ano passado e aqui está ele, tão próximo de ser número um. Espero que o Rafael chegue a número um esta semana, senão será bom que o Andy Murray continue lá. Ele merece estar onde está”, lembrou o suíço que cumpre 36 anos esta terça-feira.

Federer descarta a ideia de que parte em vantagem para Montreal pelo facto de ter ganho os dois últimos Masters 1000 de piso rápido, em Indian Wells e Miami. “Montreal não tem nada a ver com Indian Wells e Miami. Parece que esses torneios foram há anos. Mas espero e quero jogar bom ténis. Nunca ganhei Montreal na minha vida mas também nunca joguei muitas vezes aqui. Tenho ido mais a Toronto.”

O suíço analisa ainda as suas chances de Nadal no que falta do ano. “Estamos em boa posição para acabar bem o ano. Estamos confiantes, saudáveis, frescos. Sabemos que podemos ganhar grandes torneios e infelizmente há dois grandes jogadores, como Djokovic e Wawrinka, que estão fora. Isso cria oportunidade para todos, incluindo para mim e para o Rafa. Talvez seja mais fácil chegar longe…”

 

 

Sobre o autor
-

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social.
Jornalista do Jornal Record desde 2013.
Entrou no Bola Amarela em 2008 e ainda por aqui está, a escrever sobre a modalidade que verdadeiramente o apaixona.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *