Rafael Nadal vence a chuva e a final de Buenos Aires

A chuva deu ares da sua graça, interrompeu o decorrer do encontro, mas não impediu que Rafael Nadal se juntasse ao lote de campeões do Argentina Open, atingindo os 46 títulos em terra-batida. Esta é a sétima vez em sete anos que um jogador espanhol vence o torneio sul-americano, e desta vez a vítima foi Juan Mónaco, jogador da casa, que perdeu por 6-4 e 6-1 em 1h28.

Os primeiro pontos da final foram disputados com cerca de 90 minutos de atraso devido à chuva, que já havia interrompido antes a final de pares. Contudo, quando tudo parecia pronto para se começar a jogar, Nadal e Mónaco dividiram entre si os dois primeiros jogos antes de voltar a cair água do céu.

e0cbfd34-c6bb-3ec4-bbd8-155da9471d02

Isto causou algum mau-estar entre ambos os jogadores, já que Nadal queria continuar enquanto o jogador da casa preferia esperar para que a chuva parasse. O encontro foi mesmo interrompido.

No recomeço da final, nenhum dos jogadores parecia querer abrir mão dos respetivos jogos de serviço e verificou-se algum equilíbrio até à reta final do primeiro set, onde alguns erros desnivelaram o marcador a favor do maiorquino.

A seis jogos do seu primeiro título da temporada, Nadal colocou o pé no acelerador e fez Mónaco correr de um lado para o outro, algo que criou alguma fadiga do lado do número 60 da hierarquia mundial. Tudo o que o antigo número um do mundo teve de fazer foi manter o alto nível de intensidade e esperar que o seu oponente claudicasse nas trocas de bola mais longas.

11041777_801473026603950_6015538285775393603_n

David Nalbandian e Gaston Gaudio estiveram nas bancadas.

Esta vitória dá a Rafael Nadal o 46.º título sobre a terra-batida, um número que o coloca a três títulos do número de Guillermo Villas. No geral, este é o 65.º troféu que vai diretamente para o palmarés do espanhol.

Sobre o autor
- Licenciado em Jornalismo na Escola Superior de Comunicação Social, em Lisboa. Jornalista da GQ Portugal e colaborador do Bola Amarela desde novembro de 2011, pouco tempo depois de começar a seguir mais atentamente o mundo do ténis. Pretende nunca mais parar.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *