Ana Catarina Nogueira é a única portuguesa sobrevivente no Open da Corunha

A jogadora Ana Catarina Nogueira é a única portuguesa com lugar garantido no quadro principal do Open da Corunha, o evento do World Padel Tour que tem início esta quarta-feira no Coruña Sport Centre. Diogo Rocha, Vasco Pascoal, Miguel Oliveira, Diana Silva, Marina Figueiredo e Sofia Araújo ficaram pelo caminho nas fases prévias.

Graças à 29º posição no ranking mundial, Ana Catarina Nogueira está isenta da fase de qualificação e, por isso, estreia-se no Open da Corunha, ao lado de Valeria Pavón (25º), nos 16 avos de final diante Aranzazu Ulrich (63º) e Paula Eheraguibel (32º). Além de melhor posição na hierarquia mundial, quando comparada com a dupla adversária, o par luso-argentino conta ainda com estímulo de no último domingo, 7 de maio, ter atingido e disputado a final do Addio Mare, torneio da Federação Canária de Padel.

Ao contrário da jogadora natural do Porto, Diana Silva e Marina Figueiredo foram obrigadas a disputar a pré-prévia e foram eliminadas logo à primeira, enquanto Sofia Araújo e a sua parceira Silvia Silvia Vidal chegaram à prévia, tendo perdido, contudo, diante Andreína de los Santos e Patrícia Mowbray, por 5-7 e 2-6.

Na competição masculina, nenhum dos portugueses resistiu às fases prévias. Enquanto Miguel Oliveira e Vasco Pascoal foram afastados na pré-prévia, Diogo Rocha e o seu parceiro Pincho Fernández perderam o último encontro de acesso ao quadro principal com Matías Nicoletti e Salvador Ortega, em três sets (6-4/1-6 e 3-6).

Após o Open da Corunha, o World Padel Tour viaja até Portugal, onde irá decorrer o Lisboa Challenger, entre os dias 21 e 28 de maio, no Clube VII.