Alexander Zverev vence duelo de jovens talentos e desafia Roger Federer na final de Montreal

Foi um super encontro entre dois jovens talentos do ténis profissional masculino, e que certamente se irá repetir em palcos maiores e na final de muitos torneios. Desta vez, foi Alexander Zverev quem levou a melhor perante Denis Shapovalov, ao vencer o canadiano com os parciais de 6-4 e 7-5 em 1h44 rumo à final do Masters 1000 de Montreal. No caminho para o título, o germânico, a assumir-se cada vez mais como um futuro número um mundial, vai defrontar o veteraníssimo Roger Federer.
Com esta vitória, Sascha, apelido de Alexander Zverev, tem garantida a subida ao sétimo posto do ranking mundial e a subida ao terceiro lugar na ATP Race, o que o coloca numa posição bastante favorável na qualificação para Londres – já para não falar na qualificação para Milão, onde se vai disputar o Next Gen Finals. Esta é a sexta final do jogador alemão, que vai tentar vencer dois títulos de forma consecutiva depois do triunfo da semana passada, em Washington.
Apesar da sua grande prestação, Denis Shapovalov conseguiu aproveitar somente um de sete pontos de break, cometendo o crasso erro de falhar ambos os serviços sempre que enfrentou os três pontos de break em todo o encontro. No fim, o jovem canadiano, responsável pela eliminação de Rafa Nadal em Montreal, mereceu uma ovação do público e do próprio Zverev.
Para Zverev, segue-se agora um duro confronto com Roger Federer, jogador com quem tem um confonto direto negativo de 1-2 e que voltou a quebrar recordes com a final atingira na prova canadiana.